Sexta-feira, 30 de outubro de 2020
informe o texto

Notícias | Futebol Internacional

Neymar é condenado a devolver R$ 40 milhões ao Barcelona; atleta esperava receber R$ 262 milhões

Segundo informações do diário Mundo Deportivo, o acordo ainda envolvia um bônus de valor bruto de R$ 387 milhões

19 Jun 2020 - 11:50

Gazeta Press

Neymar é condenado a devolver R$ 40 milhões ao Barcelona; atleta esperava receber R$ 262 milhões

Foto: Lucas Figueiredo | CBF

O Barcelona anunciou nesta sexta-feira que ganhou uma disputa judicial com Neymar. O caso envolve valores de bônus de renovação contratual que o jogador cobrava do clube. A Justiça da Espanha tomou uma decisão desfavorável ao brasileiro, que ao invés de receber a quantia desejada de 43,6 milhões de euros (cerca de R$ 262 milhões), deverá devolver 6,7 milhões de euros (R$ 40 milhões) para a equipe do Camp Nou.

O desentendimento entre Neymar e Barcelona se deve à uma renovação de contrato assinada em 2016, que previa a permanência do jogador até 2021. Segundo o jornal Mundo Deportivo, o acordo também envolvia um bônus com valor bruto de 64,4 milhões de euros (cerca de R$ 387 milhões).

O Barça teria pago uma quantia de 20,75 milhões de euros (aproximadamente R$ 124 milhões) em julho de 2016 e deixado os 43,6 milhões de euros (cerca de R$ 262 milhões) restantes para desembolsar após um ano.

Quando começaram os rumores de que o atleta poderia se transferir ao Paris Saint-Germain, em 2017, os catalães optaram por fazer o pagamento em juízo, deixando o dinheiro com um notário em Barcelona.

Quando concretizada a saída de Neymar, o Barça entendeu que não seria necessário transferir o restante do bônus ao jogador, dado que ele  havia cumprido apenas um ano do novo contrato. Com o imbróglio, o brasileiro decidiu acionar a Justiça, mas a decisão favoreceu o Barcelona.

Após o decreto de que Neymar terá que devolver 6,7 milhões de euros (R$ 40 milhões), o Barcelona emitiu um comunicado comemorando o resultado do processo judicial e garantindo que seguirá defendendo seus interesses "fervorosamente" caso o brasileiro entre com recurso.

Confira a nota oficial emitida pelo Barcelona:

"O FC Barcelona expressa sua satisfação com o veredicto anunciado hoje pelo Tribunal Social 15 em Barcelona em relação ao processo envolvendo o FC Barcelona e o jogador Neymar Jr em relação ao valor do bônus de assinatura na renovação final do contrato do jogador.

A decisão rejeitou completamente o pedido de pagamento de 43,6 milhões de euros do jogador e aceitou grande parte da defesa apresentada pelo FC Barcelona, ​​como resultado do qual o jogador deve devolver 6,7 milhões de euros ao clube.

Como o representante do jogador tem o direito de recorrer dessa decisão, o clube continuará a defender fervorosamente seus interesses legítimos."

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet